Loading...

Restaurante e Bar Seen em São Paulo.

Hotel Tivoli Mofarrej
Alameda Santos, 1437, 23° andar, São Paulo. Brasil.
+55 11 3146-5923
$$$ – $$$$ – Bar, Restaurante
Seg- Qui-  7:00pm à 1:00am
Sex – Sab – 7:00pm às 2:00am
Dom – 12:00pm às 7:00pm
reservas 
Restaurante e bar Seen em São Paulo.
Restaurante e Bar Seen – foto Fran Parente

Instalado no 23º andar (rooftop) do Hotel Tivoli Mofarrej, o Restaurante e Bar Seen é um dos points mais falados no momento da cidade de São Paulo.
O grande salão sem paredes possui uma vista 360º graus deslumbrante da capital paulista. E leva a assinatura do escritório de arquitetura Estudio Penha.

Restaurante e bar Seen em São Paulo.
Restaurante e Bar Seen – foto Fran Parente

Com a premissa de valorizar o skyline, o projeto de 550m² inspirado nos anos 80 esbanja sofisticação e personalidade.

Com toque art decô eles resgataram o design da época e utilizaram concreto, madeira, vidro junto do latão, espelho oxidado, veludo e ardósia. Mas sem deixar de lado a contemporaneidade.

Receba nossos posts em seu e-mail



Restaurante e bar Seen em São Paulo.
Restaurante e Bar Seen – foto Fran Parente

Assim que começamos o processo, solicitamos a demolição de tudo. Então, abrimos os espaços e tiramos os forros, os revestimentos e os pilares para que pudéssemos conhecer melhor a área.

Simone Balagué
Restaurante e bar Seen em São Paulo.
Restaurante e Bar Seen – foto Fran Parente

Quando você desce do elevador você se depara com uma cortina intrigante, que é o que te separa do corredor para o salão. Com ar retrô, uma atmosfera informal, luz baixa, tons escuros e som alto, o Seen só abre a noite.

Trinca 3×5 boobam
R$6.150,00
Luminária Raiz de Fora – G boobam
R$6.500,00
Talheres/Hashi O2 boobam
R$350,00
Restaurante e bar Seen em São Paulo.
Restaurante e Bar Seen – foto Fran Parente

O protagonista do projeto está instalado no centro do espaço em um patamar mais alto. E faz jus a sua posição: O Bar ! Moderno, com detalhes em tubo de latão curvado, tampo em mármore branco. A curva que esse tubo faz cria um jogo de iluminação entre os revestimentos.

Restaurante e bar Seen em São Paulo.
Restaurante e Bar Seen – foto Fran Parente

Três lustres garimpados marcam a ilha de bebidas de 360 graus , que é comandada pelo bartender Heitor Marin. Impossível não querer se sentar ali e pedir um drink!

Restaurante e bar Seen em São Paulo.
Heitor Marin- foto Ale Virgilio

Ao lado do bar, no mesmo nível superior, foram criados ambientes de jantar com sofás capitonês com moldura de madeira entalhada. São cercados por um guarda-corpo de latão e um jardim de samambaias, referência da década de 80, que dividem a área mais alta da mais baixa.

Restaurante e bar Seen em São Paulo.
Restaurante e Bar Seen – foto Fran Parente

Mesas de mármore branco e madeira são acompanhadas pelas cadeiras The Chair, do designer Hans J. Wegner, e a HW, assinada por Henry Klein.

Restaurante e bar Seen em São Paulo.
Restaurante e Bar Seen – foto Fran Parente

A iluminação aqui foi projetada para ser mais cênica, com projetores, onde a luz  forte é direcionada para o piso. E a outra é mais suave e geral, com arandelas e pendentes, com luz de cor amarela para trazer aconchego.

Restaurante e bar Seen em São Paulo.
Restaurante e Bar Seen – foto Fran Parente

“Fizemos um projeto luminotécnico que vai todo para o chão, evitando que o vidro virasse espelho”. Vitor Penha “

Restaurante e bar Seen em São Paulo.
Restaurante e Bar Seen – foto Fran Parente

Para contrastar com a elegância do veludo e do latão, algumas tubulações da infraestrutura foram deixadas aparentes, como referência ao estilo industrial.

As colunas existentes de concreto também ficaram em seu estado natural, mas receberam molduras e arandelas de latão, além de espelho oxidado.

O teto do restaurante recebeu jateamento acústico para fortalecer a ideia de um projeto sensorial.

Restaurante e bar Seen em São Paulo.
Restaurante e Bar Seen – foto Fran Parente

No hall dos banheiros há uma grande pia coletiva em mármore com torneiras de cobre suspensas. As paredes e teto foram revestidos em cerâmica verde escura brilhante e texturizada, e as divisórias são em ferro e espelho oxidado.

Restaurante e bar Seen em São Paulo.
Restaurante e Bar Seen – foto Fran Parente
Restaurante e bar Seen em São Paulo.
Yasmin Yonashiro

O Seen conta com um Sushi Bar executado por Massahiko Enohi. São 16 lugares em um balcão revestido por azulejos originais garimpados do artista plástico Francisco Brennand.

Aqui você pode provar o menu de culinária japonesa com toques contemporâneos, e uma carta de saquês criada pela sommelière Yasmin Yonashiro.

Especialista com o certificado de Kikisake-shi pela SSI, ela trabalha há mais de 10 anos como consultora de bares e restaurantes na introdução da cultura de sakes. Yasmin já foi sake sommelier para Jun Daiti e sake sommelier do restaurante Naga.

Restaurante e bar Seen em São Paulo.
foto: Cortesia Seen
Restaurante e bar Seen em São Paulo.
foto: Cortesia Seen

O estabelecimento também investiu no comando da sua cozinha e dois grandes nomes assinam o cardápio. O chef franco português Olivier da Costa e  William Ribeiro (revelação pela Veja Comer & Beber, cuja cozinha caracteriza-se pelo uso de ingredientes orgânicos e de fabricação artesanal.)

O menu traz pratos com peixes, carnes, massas, entradinhas, hambúrgueres, entre outros. Destaques para a Alheira de Caça, Wagyu laminado, Bruschetta de vitelo tonatto e Ravioli de queijo de cabra com mel de uruçu e cacau. Como opções vegetarianas: Carpaccio de palmito pupunha com manga e abacate e o Veggie tempurá.

Restaurante e bar Seen em São Paulo.
William Ribeiro
Restaurante e bar Seen em São Paulo.
foto: Cortesia Seen
Restaurante e bar Seen em São Paulo.
foto: Cortesia Seen

O objetivo é que os clientes partilhem os pratos, que peçam uma série de coisas para experimentar e que se divirtam.

Olivier da Costa

Novidade: Aos domingos o restaurante passou a abrir com um brunch maravilhoso nas alturas! A famosa combinação entre breakfast e lunch ganhou toques especiais e fartas estações gastronômicas pelas mãos do chef franco-português Olivier da Costa.

Com preço fixo de R$ 150 por pessoa, Crianças com até 5 anos de idade não pagam. Já as de 6 a 11 anos pagam R$ 50. Vale contar que, além das bebidas não-alcoólicas, eles oferecem um drink de boas-vindas: Bloody Mary com vodca Belvedere.

Há desde bagels com gergelim e cebola até criações sem glúten, opções de saladas e grãos.  E outras delícias como cuscuz marroquino, vários tipos de azeitonas, queijos e embutidos. Além de pratos quentes como massas recheadas com mussarela e raspas de limão siciliano com molho de tomate, bacalhau com molho branco e queijo brie com geleia de uva derretido e envolto em massa folhada. Também oferece algumas opções de sushis, gunkans, rolls e temakis.

Restaurante e bar Seen em São Paulo.
foto: Cortesia Seen
Restaurante e bar Seen em São Paulo.
foto: Cortesia Seen

O Bar também aposta na música como atrativo, e as noites de Terça-feira e Sábado são comandadas pela DJ Joana Hasse.

Quer ler mais  ?
Referências:
Trinca 3×5 boobam
R$6.150,00
Luminária Raiz de Fora – G boobam
R$6.500,00
Talheres/Hashi O2 boobam
R$350,00

Victória Calil Barriatto

Idealizadora do projeto, Vic é arquiteta, sim – e muito, muito mais. Entusiasmada e conectada a tudo o que tem a ver com design, é também um retrato da geração que não só conhece o meio online, mas cresceu nele. Cursou mestrado em arquitetura sustentável em Turim, Itália, e segue atuando no Dona Arquiteta com toda a energia que lhe corre nas veias.

Mais posts

Comentários(0)

Publique um Comentário